domingo, 30 de novembro de 2008

Carreira do Mato: Ana Paulina faleceu com 115 anos

A comunicação social tem-se referido a uma senhora de Tomar, com 115 anos de idade. Maria de Jesus, de seu nome, passou a figurar no livro de recordes (Guinness Book) como a mulher mais velha do Mundo. Que viva muito mais e com a melhor saúde possível!

Como curiosidade fica uma nota que consta dos registos paroquiais da freguesia de Aldeia do Mato (período de 1860 a Maio de 1911):

. Ana Paulina, viúva de Manuel Francisco Malhadeiras, faleceu a 11 de Abril de 1901, na Carreira do Mato, exactamente com 115 anos!...
Era filha de José Paulino e de Maria Francisca, e mais os registos não dizem.

Nessa já longínqua data, o pároco da freguesia (Aldeia do Mato) era o padre Manuel Lopes Alpalhão. Amavelmente, em tempos a Câmara Eclesiástica de Portalegre, facultou-nos, entre outra, a informação de que foi nomeado “Pároco collado na Igreja de Santa Maria Magdalena de Aldeia do Mato em 2 de Janeiro de 1901”, onde exerceu até 10 de Julho de 1923.

Oportunamente falaremos mais pormenorizadamente deste homem que deixou cópia (manuscrita, naturalmente) dos registos, e que trocou com o Bispo de Portalegre (D. António Moutinho) diversa correspondência, no âmbito das relações conturbadas que se seguiram à implantação da República, mas que, aparentemente, passaram ao lado da paróquia da Aldeia do Mato.


À esquerda: portão do cemitério da Aldeia do Mato, que teria sido executado em 1913 pelo ferreiro Francisco Pedro (O Maneiras, por alcunha), da Carreira do Mato (meu avô materno).
À direita, abaixo: a foto possível do padre Manuel Lopes Alpalhão

Manuel Paula Maça


Etiquetas:

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial